domingo, 16 de outubro de 2016

Em 1998, novela da Globo previu Hillary na presidência dos EUA



As eleições presidenciais de 2016 está pegado fogo, e por lá, Donald Trump disputa com  Hillary Clinton o comando da nação mais poderosa do mundo, os Estados Unidos da América.
Assim como hoje em dia, no século passado as eleições americanas já influenciavam no noticiário brasileiro. A política de lá já influenciou, inclusive, telenovelas. Em 1998, “Por Amor”, de Manoel Carlos, previu Hillary como a primeira presidente mulher do país, o que pode ser concretizado em breve.

Era época polêmica, e o então presidente Bill Clinton sofria em meio a um processo de impeachment após ter um caso com a sua estagiária Monica Lewinsky. Hillary, ao contrário do que muitas mulheres fariam, não deixou de apoiar o marido.
De acordo com a novela, não por bondade, mas por puro interesse. A personagem Branca, vivida por Susana Vieira, comenta que o que salvou Bill do impeachment foi o apoio da mulher.
“Ela (Hillary) não está pensando no marido dela, não. Ela está pensando nela. Ela vai sair candidata, você vai ver. E se as coisas continuarem como estão, ela vai ser a primeira presidente mulher dos Estados Unidos”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial